quarta-feira, 15 de junho de 2016

Sobre o Portugal-Islândia do Euro 2016


Fernando Santos parece-me um homem inteligente, sério e modesto. Por isto, e por acreditar na sua capacidade como treinador, estava algo confiante antes do início do Euro. Mas depois confesso que comecei a ficar preocupado quando vi o sorriso do Ronaldo no túnel de acesso antes do jogo começar. Sinceramente, a última vez que tinha visto esse sorriso, petulante do meu ponto de vista, e ao serviço da selecção, foi na conferência de imprensa que antecedeu a estreia de Portugal no Mundial de 2014, quando ele mesmo disse que aquele seria o ano de Portugal.
Fonte: http://www.ticketbis.com/ar/entradas-competiciones/ca9

Contra a Islândia, Portugal esteve organizado na primeira parte, e parece-me que esteve bem. Mas a partir do golo da Islândia, aos 50 minutos, demonstrou-se porque não ganhamos campeonatos, e porque ganham os alemães, os espanhóis e os italianos. Já agora a Itália está sem vedetas mas será sempre a Itália porque é sempre um colectivo. A partir do golo da Islândia não houve colectivo e os jogadores esqueceram tudo o que provavelmente Fernando Santos têm tentado trabalhar. Pelo menos espero que sim. Ronaldo é um jogador fabuloso. Mas a sua maior virtude é também o seu maior defeito: quer protagonismo e quer resolver, esquece a equipa, e faz a equipa esquecer que é uma equipa. Quero com isto dizer que, neste jogo Ronaldo chutou sem critério quando tinha uma linha de passe, e que privou a equipa de lances de bola parada para chutar de tão longe esquecendo que ele é Ronaldo mas não o Ronald (Koeman). Já agora, por que há-de ser sempre o Ronaldo a marcar os livres quando temos outros talentosos jogadores para o fazer? Nos jogos de preparação tínhamos uma equipa mas Ronaldo não estava lá. Só posso concluir que o Raphael marcou um grande golo de livre porque Ronaldo não estava lá. Afinal, de que servem os jogos de preparação? Para quê testar uma equipa e jogadores se depois fica tudo na mesma, marca o Ronaldo? Se Ronaldo tivesse jogado contra a Noruega que mérito dávamos hoje ao Raphael? Eu prefiro não ter o Ronaldo e ter 11 jogadores que apostam no que cada um tem de melhor, em vez de ter 10 jogadores que se esquecem de si porque o décimo primeiro é orgulhosamente o melhor. A Espanha marcou aos 87 minutos contra a República Checa porque nunca abdicou de jogar como equipa. Claro que o talento também conta, mas tem de ser o talento de todos. E porque continua a imprensa a dar tanto protagonismo ao Ronaldo? Ele nem está em forma… Assim só alimentam erradamente o seu ego futebolístico (não o conheço enquanto pessoa e não é isso que está em causa). E porque continua a imprensa a pensar que os nossos grupos são sempre fáceis? Por acaso alguma vez tivemos qualificações fáceis?
Ao Ronaldo faltou humildade e respeito pelo adversário, que penso não ter faltado aos outros jogadores. Faltou concentração. E no final do jogo em vez de fair-play e de dar os parabéns ao adversário ainda os criticou. Engraçado, o que se auto-apelida como o melhor do Mundo a criticar aqueles a quem não consegue ganhar. Como disse o Kahn “Ronaldo está a ficar velho e chato”. É este o nosso capitão. E infelizmente receio que neste momento seja tanto uma das soluções da selecção como também o seu maior problema. E aos treinadores da selecção tem faltado a coragem de não dar todo o estatuo ao Ronaldo: parece-me que Ronaldo nunca foi especialista a marcar livres, tem sido bom, mas há outros melhores para esse trabalho. E não vou falar de outras opções de jogadores, em forma ou em baixo de forma, rotinados ou menos rotinados porque isso já não sei.
Só sei que temos tido avisos de mais ao longo da nossa história, mas parece-me que nunca irão chegar.
Espero que este começo tenha o mesmo impulso que o começo do Euro 2004. Força à EQUIPA  de Portuga!

Pesquisar neste blogue

Seguir por Email

Contador

O Espaço, o Tempo e o Silêncio

No Sábado à noite eu tomava um café com dois ou três amigos num pequeno bar da minha pequena cidade quando, a meio da conversa, surgiu um de...

Popular Posts

Blog Archive

Acerca de mim

Simplesmente, alguém que gosta de ler e escrever...